Franquia Rede Sinal Verde

A Rede Sinal Verde tem sua especialidade na cobrança e avaliação de riscos que envolvem os serviços de crédito, sendo também a empresa pioneira dentro do segmento de franquias de cobrança de todo o país.

Atualmente o mercado brasileiro no que tange os serviços financeiros de crédito tem apresentado um crescimento constante e contínuo, portanto não existem motivo para acreditar que possivelmente daqui em diante tal situação se reverterá drasticamente.

Somente na última década a taxa de desemprego teve uma queda de mais de 60%, a renda do brasileiro aumentou cerca de 17%, o consumo da população cresce acima do PIB anualmente, sendo impulsionado pelo público das classes C e D e o endividamento da população ainda é muito baixo quando fazemos uma comparação a países desenvolvidos.

Diante destes fatos fica mais que claro que utilizar ferramentas para avaliar e recuperar-se da inadimplência nunca foi tão necessário no Brasil, uma vez que todo empresa ou negócio que não envolva o pagamento a vista precisa deste tipo de serviço.

Cliente

Os clientes tem auxílio no “pós-venda”, pois mesmo que tenha sido realizado um trabalho com excelência é normal que a inadimplência ocorra. Todos os colaboradores passam por um processo completo de treinamento e capacitação. Tudo isso sem contar um distribuidor SERASA que fica a disposição do cliente para que ele tenha sempre a mão o serviço completo de cobrança.

Franqueado

Quem se torna um autorizado dessa rede passa a ter a oportunidade de conquistar uma experiência única dentro do mercado por meio de procedimentos práticos, sendo além de tudo dono de um negócio altamente rentável e que traz um retorno do investimento inicial de forma eficaz partindo de um modelo que proporciona qualidade de vida ao colaborador.

Dados da franquia

→ Segmento: Negócios e serviços
→ Ramo: Serviços financeiros
→ Data de fundação: 2010
→ Início do franchising: 2010
→ Associação com a ABF: 2013
→ Unidades próprias: 1
→ Unidades franqueadas: 10

Franquia Rede Sinal Verde
Empresa faz cobrança de avaliação de risco de fornecimento de crédito.
(Foto: Reprodução)

Vantagens do franqueamento

» Requer um custo inicial baixo quando comparado a outros que possuem o mesmo potencial de retorno
» Investimento que tem capacidade de alocação por longos prazos
» Negócio que possui metologia consolidada e comprovada quanto a rentabilidade
» Produto com grande aceitação dentro do mercado financeiro
» Operação que não exige estresse ou dedicação demasiada do franqueado

Dados do investimento

→ Capital para instalação: R$ 10.000,00 a R$ 30.000,00
→ Taxa de franquia: R$ 20.000,00 a R$ 40.000,00
→ Taxa de publicidade: 2% sobre o faturamento bruto mensal
→ Tava de royalties: 5% sobre o faturamento bruto mensal
→ Capital de giro: R$ 15.000,00 a R$ 70.000,00
→ Faturamento médio mensal: R$ 30.000,00
→ Retorno do investimento inicial: 18 a 36 meses
→ Tamanho da área: 30 a 100 m²
→ Número de funcionários: 1 a 6

Acesse o site Rede Sinal Verde e preencha uma ficha de qualificação do franqueado para que a empresa analise seu perfil como candidato ao processo de franqueamento e entre em contato.

Como financiar pelo BNDES pessoa física

Preparamos este artigo para apresentar a você todas as linhas de crédito que o BNDES tem para pessoa física. Essa possibilidade de financiamento não é muito conhecida pelas pessoas, uma vez que não existe muito investimento em marketing para promover tais produtos e serviços.

O BNDES possui uma ferramenta de ação chamada Mais BNDES, a qual ajudar o empreendedor a encontrar qual a melhor forma de financiamento para o negócio do empresário.

Há muito tempo que o banco oferece financiamento para pessoas físicas, tendo objetivo de atingir os seguintes públicos:

Caminhoneiros: transportadores autônomos de carga que possuam cadastro no RNTRC (Registro Nacional de Transportadores Rodoviários de Carga) e CNH (Carteira Nacional de Habilitação) na qual esteja disposta a categoria precisa para conduzir o bem a ser financiado.

Cooperado: pessoa associada a cooperativas do setor agropecuarista, agroindustrial, pesqueiro, de crédito, educacional, de reciclagem, entre outros.

Microempreendedor: pessoas que tenham uma renda bruta que alcance até R$ 360.000,00 anualmente, disponibilizando um microcrédito de até R$ 200.000,00 por ano.

Produtor rural: pessoa física que trabalhe dentro do setor de atividades e serviços rurais.

Financiamento BNDES
Financiamento e linhas de crédito para pessoa física.
(Foto: Reprodução)

Requisitos para fazer o financiamento

•  Estar em dias com obrigações fiscais, tributárias e sociais;
•  Enviar um cadastro com dados pessoais e financeiros satisfatórios;
•  Apresentar capacidade para realizar o pagamento do financiamento;
•  Possuir garantias que cubram o risco que envolve a operação;
•  Não estar em atual regime de recuperação de crédito;
•  Compreender e aceitar a legislação que envolve o negócio;
•  Estar de acordo em cumprir a legislação ambiental.

O financiamento é liberado somente após que todo o processo de contratação do produto terminar e for aprovado após a análise de crédito. As taxas de juros, bem como encargos sobre o negócio costumam variar muito tendo como fator de mudança qual a linha de crédito que for escolhida.

Assim, é de extrema importância consultar o BNDES de forma direta para obter maiores informações sobre qual linha de crédito você precisa e se ela é oferecida com boas taxas. Por exemplo, quem deseja o serviço de microcrédito para microempreendedores pagará uma taxa de juros de 4% ao mês em um valor de R$ 15.000,00. Já o agricultor que desejar o mesmo valor para financiamento irá pagar apenas 2% de juros ao mês.

A recomendação é que se financie itens ou projetos que garantam ao empreendedor um ganho na produtividade, seja a curto, médio ou longo prazo, o que irá ampliar as margens de lucro que o investidor tem atualmente.

Acesse o site do Mais BNDES para escolher a opção que melhor se encaixa com o seu perfil e necessidades como empreendedor.

Franquia G.FIN Factoring

A G.Fin é uma empresa atípica, pois trabalha com serviços de compra de créditos mercantis e não mercadorias. Deste modo, desenvolve um mecanismo de fomento mercantil que possibilita às empresas a possibilidade de venda créditos gerados por suas vendas a prazo.

Como resultado, o empresário que contatou esse tipo de serviço receberá imediatamente créditos que seriam recebidos somente no futuro, aumentando assim seu poder na negociação nas compras à vista de matéria-prima.

Para quem pretende se tornar um franqueado desta rede, a G.Fin oferece aos empreendedores know how e metodologias de excelência dentro do segmento de factoring.

Dados da franquia

→ Segmento: Serviços, negócios e conveniência
→ Ramo: Serviços financeiros
→ Data de fundação: 2014
→ Início do franchising: 2014
→ Associação com a ABF: 2015
→ Unidades próprias: 1
→ Unidades franqueadas: 2

Vantagens do franqueamento

Essa franquia se diferencia dentro do mercado de factoring por garantir liquidez nos negócios realizados entre os franqueados e seus clientes. Para isso conta com a experiência de uma marca já consolidada dentro do mercado e que possui vasto conhecimento e experiência. Conheça a seguir outros benefícios que essa rede oferece a seus franqueados.

Franquia G.Fin Factoring.
Franquia de serviços financeiros.
(Foto: Reprodução)

• Baixo investimento estrutural;
• Horário de trabalho flexível;
• Sistema operacional Home Based;
• Alta rentabilidade;
• Número reduzido de funcionários;
• Credibilidade local;
• Suporte on-line de gestão;
• Acompanhamento do desenvolvimento operacional;
• Operação de fácil manuseio;
• Metodologia testada e aprovada;
• Departamentos especializados;
• Treinamento para gestor e equipe;
• Apoio administrativo;
• Oportunidade de novos negócios.

Dados do investimento

→ Capital para instalação: não é necessário
→ Taxa de franquia: R$ 20.000,00 a R$ 30.000,00
→ Taxa de publicidade: não cobra
→ Taxa de royalties: 25% sobre o faturamento bruto mensal
→ Capital de giro: R$ 300.000,00 a R$ 1 milhão
→ Faturamento médio mensal: R$ 800.000,00
→ Retorno do investimento inicial: 18 a 24 meses
→ Tamanho da área: 20 a 60 m²
→ Número de funcionários: 1 a 3

Etapas do franqueamento

1. Preenchimento da ficha cadastral no site da empresa.
2. Entrevista com especialistas do departamento de expansão.
3. Entrega da COF (Circular de Oferta de Franquia).
4. Orientação junto a um contador para abertura da empresa.
5. Assinatura do contrato e pagamento da taca de franquia.
6. Montagem do escritório.
7. Contratação de pessoal.
8. Treinamento de desenvolvimento e operação.
9. Inauguração da franquia.
10. Suporte periódico.

Para obter maiores informações sobre o processo de franqueamento acesse o site da G.Fin Factoring. Solicite também a visita de um representante da empresa pelo e-mail [email protected] ou através do telefone (19) 3305-9959.